Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Seminário de Tropicologia
Início do conteúdo da página

A volta do Seminário de Tropicologia

Publicado: Segunda, 25 de Julho de 2016, 12h46 | Última atualização em Quinta, 20 de Dezembro de 2018, 23h26 | Acessos: 12967

Fonte: Fundação Gilberto Freyre

Luiz Otavio Cavalcanti
Presidente da Fundação Joaquim Nabuco

A Fundação Joaquim Nabuco – FUNDAJ está retomando as atividades científicas do Seminário de Tropicologia.

Como você sabe, o Seminário foi iniciativa do sociólogo Gilberto Freyre, tendo iniciado suas reuniões em 1966. Sua criação propiciou o funcionamento de espaço destinado a discussão de temas relevantes para o desenvolvimento regional e nacional.

Pretende-se, agora, após interrupção de uma década, retomar o debate de temas relacionados com sociedade, educação, economia, demografia, meio ambiente, semiárido, cultura e arte. O que distingue a existência do Seminário é o conceito de interdisciplinaridade.

Ou seja, é a abordagem dos assuntos segundo suas interrelações com disciplinas às quais o tema está associado. É incorporar uma visão integrada dos fatos sociais interpretando-os cientificamente.

O formato do seminário é o preconizado pelo sociólogo americano, Frank Tannenbaum. Apresenta a palavra de um palestrante e análises de comentaristas que abordam o tema segundo a visão de suas especialidades. Procedendo-se uma síntese dos debates.

Na prática, o Seminário reúne especialistas de diversas áreas do saber. E produz importante conjunto de análises e informações sobre a sociedade. Nesta etapa do Seminário, sua pauta será inspirada pelos eixos temáticos do Plano de Desenvolvimento Institucional – PDI da FUNDAJ.

A sessão de reabertura do Seminário será no dia 27 de julho de 2016, pelas 09 horas, no auditório Gilberto Freyre, na sede da FUNDAJ, em Casa Forte.

O palestrante convidado para a reunião é o doutor Geraldo Eugênio, ex secretário de Agricultura do Estado, especialista em economia agrícola. O tema de sua palestra é Semi Árido e sustentabilidade.

São seminaristas o cientista Abraão Sicsu; a economista Alexandrina Sobreira; o músico Antônio Madureira; o economista Clemente Rosas; o ecólogo Clóvis Cavalcanti; a educadora Creuza Aragão; a fotógrafa Eleonora Saldanha Martson; o jornalista Ivanildo Sampaio; o historiador José Almino Arraes de Alencar; a artista plástica Suzana Azevedo.

As reuniões do Seminário serão coordenadas pela escritora Fátima Quintas.

---------------------------------------------------
Transmissão Ao Vivo - AQUI
Requisito: Navegador Internet Explorer
Dia: 30/08 || Horário: 09:00
---------------------------------------------------  

Fim do conteúdo da página