Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Plantas Xerófilas > Cartaz Árvores do Cerrado – Bioma exclusivo Brasileiro
Início do conteúdo da página

Cartaz Árvores do Cerrado – Bioma exclusivo Brasileiro

Publicado: Quarta, 03 de Fevereiro de 2021, 14h45 | Última atualização em Quarta, 03 de Fevereiro de 2021, 14h45 | Acessos: 360

https://ucterra.com.br/arvores-do-cerrado/?fbclid=IwAR3waURICnApeEhgzFn_7xL_iP5DOV9BDNlOtXc3yI45QnpMIbhYO806Av4

 O Universo Chamado Terra

28/04/2020

Árvores do cerrado, este é o título do cartaz produzido pela Coordenação de Educação Ambiental (CODEA) do Instituto Brasília Ambiental (Ibram).

O cartaz integra a coleção Eu amo cerrado, um material gráfico que ilustra e informa de forma didática sobre as 12 espécies  que são símbolo do Cerrado.

O lançamento do cartaz aconteceu durante um evento de avaliação da Virada do Cerrado, organizado pela Secretaria do Meio Ambiente (Sema) no Planetário de Brasília.

A Virada do Cerrado é um movimento de mobilização que promove atividades educativas e culturais para sensibilizar a sociedade sobre os desafios ambientais de Brasília.

Conhecer para amar e ajudar na preservação, esse foi o pensamento da CODEA para desenvolver o projeto Eu amo cerrado, que disponibiliza cartazes e folders sobre os frutos, aves e mamíferos típicos do bioma.

Veja sobra a Importância das Árvores.

O cartaz árvores do cerrado traz no material as espécies:

Copaíba, Sucupira Branca, Aroeira, Piqui, Imbiruçu, Jacarandá do Cerrado, Gomeira, Ipê Amarelo, Pau Doce, Buriti, Peroba do Cerrado e a Cagaita.

As 12 espécies são árvores tombadas como Patrimônio Ecológico do Distrito Federal e por isso necessitam de autorização para o corte.

A coleção tem o objetivo de despertar a sensibilização da preservação do meio ambiente e ajudar nas ações de educação ambiental desenvolvidas pelo Instituto. 

árvores do cerradoFonte: IBRAM; Florestal Brasil.

Fim do conteúdo da página

Nós usamos cookies para melhorar sua experiência de navegação no portal. Ao utilizar o fundaj.gov.br, você concorda com a política de monitoramento de cookies. Para ter mais informações sobre como isso é feito, acesse Política de privacidade. Se você concorda, clique em ACEITO.