Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Lista dos objetos > 5 - A Hora de Fazer Promessa
Início do conteúdo da página

5 - A Hora de Fazer Promessa

Publicado: Quinta, 11 de Julho de 2019, 11h02 | Última atualização em Quarta, 17 de Julho de 2019, 10h57 | Acessos: 742



Givanildo Francisco da Silva 

Madeira, década 1980 
Bezerros, Pernambuco

A Hora de Fazer Promessa é uma matriz de xilogravura que retrata uma cena típica do sertão nordestino, em que o devoto cumpre um juramento para alcançar a graça suplicada. A xilogravura é uma técnica onde a matriz de madeira (xilo) é entalhada com a ajuda de um instrumento cortante, deixando a imagem a ser impressa em relevo que, após ser coberta por tinta, é transferida para o papel ou outro suporte, como um carimbo. Conhecida pelos chineses desde o século II, o que expressa esta técnica para além das suas características específicas é a forma como o artista interpreta e retrata a realidade em que vive. 

O autor, Givanildo Francisco da Silva, nasceu no município de Bezerros, no agreste pernambucano, em 08 de julho de 1962, iniciando-se no fazer artístico aos 13 anos com seu tio J. Borges, xilogravurista brasileiro reconhecido mundialmente. Com poucos incentivos para o desenvolvimento da sua arte, muitas vezes teve de recorrer ao trabalho de pedreiro para a complementação da renda familiar. Suas obras chegaram ao Museu do Homem do Nordeste através de uma proposta de aquisição apresentada pelo próprio artista no ano de 1984, numa negociação concluída em 1985. 

Albino de Oliveira e Suzianne França 

Fim do conteúdo da página

Nós usamos cookies para melhorar sua experiência de navegação no portal. Ao utilizar o fundaj.gov.br, você concorda com a política de monitoramento de cookies. Para ter mais informações sobre como isso é feito, acesse Política de privacidade. Se você concorda, clique em ACEITO.