Ir direto para menu de acessibilidade.
Início do conteúdo da página

Fundaj e ERENE

Publicado: Segunda, 17 de Fevereiro de 2020, 12h41 | Última atualização em Quinta, 20 de Fevereiro de 2020, 17h28 | Acessos: 624

Fundaj e ERENE

Maximizar seu potencial através de parcerias no âmbito das “relações internacionais”, além da troca de experiências, sempre fez parte dos esforços da Fundação Joaquim Nabuco. Não apenas pelos valores atrelados à seus ideólogos Gilberto Freyre e Joaquim Nabuco, os quais tiveram ampla participação na área, mas por compreender que sua inserção no mundo é parte fundamental no cumprimento de sua missão.


Isso posto, a Fundaj em 2011, de maneira mais formal e seguindo os devidos canais de diplomacia, sinaliza seus primeiros esforços em direção à uma maior aproximação e engajamento com o Itamaraty. Com seu escritório de representação regional o ERENE mais propriamente. Inicialmente, em sua comunicação e relacionamento junto ao ERENE, há interesses de estabelecimento de cooperação para implantação de uma política de inserção internacional.


A priori os resultados são concretizados nas “Oficinas de Roteiro”, cuja edição na cidade do Recife contou com a participação da escritora, roteirista e produtora de cinema Maria Escandón.


:
 : Acordo :: 

: : Acordo :: 

registrado em:
Fim do conteúdo da página

Nós usamos cookies para melhorar sua experiência de navegação no portal. Ao utilizar o fundaj.gov.br, você concorda com a política de monitoramento de cookies. Para ter mais informações sobre como isso é feito, acesse Política de privacidade. Se você concorda, clique em ACEITO.