Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Crédito Rural adaptado a regiões secas > Uso da forrageira Camaratuba (Cratylia argentea) em práticas agroecológicas - Dia de Campo na TV
Início do conteúdo da página

Uso da forrageira Camaratuba (Cratylia argentea) em práticas agroecológicas - Dia de Campo na TV

Publicado: Terça, 03 de Novembro de 2020, 11h55 | Última atualização em Quarta, 09 de Dezembro de 2020, 12h48 | Acessos: 133

A Cratylia argentea, popularmente conhecida como camaratuba, é uma leguminosa forrageira, perene, nativa do Cerrado, adaptada às condições de seca e baixa fertilidade, capaz de manter-se verde durante todo o ano. Além de servir como forragem, a planta melhora a fertilidade do solo, ao aumentar a disponibilidade de nitrogênio e de matéria orgânica no terreno. Pode ser empregada como adubo verde e ajudar na recuperação de áreas degradadas. O pesquisador Walter Matrangolo explica que a multifuncionalidade da espécie motivou os trabalhos. "O produtor precisa de alimento para o gado na época seca. A pastagem degradada não suporta a estiagem e o custo da ração é alto. A camaratuba é uma alternativa importante. É comum o produtor ter capineira, mas não se usa legumineira, muito provavelmente por falta de informação".

Assista ao vídeo da matéria, no endereço abaixo

https://www.youtube.com/watch?v=9D71G8Ie9I8&feature=share&fbclid=IwAR0_ggeWFx6Tc9pCTK9JLrCKd1ScJfGzjFHyRuKtzdxn8fPpHk2_8rQJ5Rw

Dia de Campo na TV

27/04/2020

CAMARATUBA – Planta nativa do Cerrado pode ajudar na recomposição ...
Camaratuba - Imagem do Google

Fonte: John Agrosertão

Fim do conteúdo da página

Nós usamos cookies para melhorar sua experiência de navegação no portal. Ao utilizar o fundaj.gov.br, você concorda com a política de monitoramento de cookies. Para ter mais informações sobre como isso é feito, acesse Política de privacidade. Se você concorda, clique em ACEITO.