Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Imprensa > Peças do Muhne em exposição em São Paulo
Início do conteúdo da página

Peças do Muhne em exposição em São Paulo

Publicado: Terça, 04 de Junho de 2019, 16h14 | Última atualização em Terça, 04 de Junho de 2019, 16h14 | Acessos: 83

A exposição À Nordeste acontece no Sesc 24 de Maio e conta com 21 peças do Museu do Homem do Nordeste

O Museu do Homem do Nordeste (Muhne) emprestou 21 peças do seu acervo para a exposição À Nordeste, que acontece de 16 de maio a 25 de agosto, no Sesc 24 de Maio, em São Paulo. A exposição reúne 343 obras de 160 artistas nordestinos diferentes, sendo 40 representantes de Pernambuco. Dessa forma, procura discutir o que se entende sobre o Nordeste, e leva reflexões ao público, a partir de circunstâncias históricas, sociais e culturais.

Com curadoria de Bitu Cassundé, Clarissa Diniz e Marcelo Campos, as peças retratam a cultura nordestina. Do Muhne, 20 peças são do Mestre Vitalino e uma do Mestre Galdino. Cenas do cotidiano como, o trabalho na lavoura, o violeiro, médico e o vaqueiro fazem parte da arte de Vitalino que foi mandada. Já a obra de Galdino se trata da Guariba Milena, uma figura fantástica.

Além da exposição, a programação da mostra conta com espetáculos de teatro, música, dança, exibição de filmes e encontros de reflexão e experimentação artística. Na próxima sexta-feira (7), a antropóloga do Museu do Homem do Nordeste, Ciema Mello participará de uma palestra, a partir da exposição, sobre a variedade da região e do povo nordestino. “A presença das nossas peças na exposição é importante para mostrar um olhar diferente daquele que muitas pessoas do sul têm do nordeste. Muitos têm uma visão de que é uma região atrasada e é preciso desconstruir estereótipos’, pontuou a antropóloga.
  

registrado em: ,
Fim do conteúdo da página