Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Imprensa > EIPP oferece três cursos livres em setembro
Início do conteúdo da página

EIPP oferece três cursos livres em setembro

Publicado: Sexta, 03 de Setembro de 2021, 15h25 | Última atualização em Terça, 21 de Setembro de 2021, 11h55 | Acessos: 532

As formações em “Implementação de Políticas Públicas Culturais”, “Gestão de Projetos de Economia Criativa” e “Práticas de Justiça Restaurativa na Escola” estão com inscrições abertas

O mês de setembro chegou e junto com ele três novas opções de cursos. A Fundação Joaquim Nabuco (Fundaj), por meio de sua Escola de Inovação e Políticas Públicas (EIPP), acaba de abrir inscrições para as formações de “Implementação de Políticas Públicas Culturais”, “Gestão de Projetos de Economia Criativa” e “Práticas de Justiça Restaurativa na Escola”.

A capacitação “Implementação de Políticas Públicas Culturais” tratará de assuntos como administração pública, diversidade, sustentabilidade e governança. “O curso objetiva fazer um direcionamento sobre a implementação das políticas públicas da cultura nas três esferas de gestão. Isso com ênfase nas inovações para boas práticas, na e para a administração pública brasileira, considerando ainda, algumas especificidades regionais do nosso país”, afirmou a professora do curso Amanda Coutinho, doutora em Ciências Sociais, mestre em Ciências Jurídicas e especialista em Propriedade Intelectual.

Já a formação de “Gestão de Projetos de Economia Criativa” será ministrado pela professora Júlia Lopes, que é pós graduada em Economia Criativa e Colaborativa e graduada em Administração de Empresas. “O objetivo do curso é apresentar uma nova visão para os recursos disponíveis, como isso é essencial para ativar os projetos, e como as novas economias podem auxiliar a desenvolver ações criativas. Também vai mostrar como gerir de forma colaborativa e mensurar resultados de impacto em várias dimensões para dar continuidade e sustentabilidade aos projetos”, afirmou ela.

Por fim, o curso de “Práticas de Justiça Restaurativa na Escola” é o terceiro dos quatro módulos da capacitação sobre as técnicas de resolução de conflitos da Justiça Restaurativa. A etapa dá continuidade a formação que é fruto de parceria entre a Eipp e o Tribunal de Justiça de Pernambuco (TJPE). Quem quiser se inscrever nele precisa ter concluído os módulos de “Introdução a Justiça Restaurativa” e “Procedimentos da Justiça Restaurativa" ministrados pela Fundaj ou por outra instituição. “Neste terceiro módulo, trabalharemos com práticas e elaboração de possíveis modelos de intervenções restaurativas, tanto no âmbito educacional quanto institucional", afirmou o professor Marcelo Pelizzoli, que é pós-doutor em Bioética, doutor em Filosofia e mestre em Antropologia Filosófica.

Serviço

—Implementação de Políticas Públicas Culturais
Professora: Amanda Coutinho (pós-doutoranda no Programa Multidisciplinar em Cultura e Sociedade da Universidade Federal da Bahia (UFBA), doutora em Ciências Sociais, mestre em Ciências Jurídicas e especialista em Propriedade Intelectual)
Datas: 15/09, 16/09, 17/09, 22/09, 23/09, 24/09 e 29/09
Hora: 14h às 17h
Inscrições: https://bit.ly/3BBzWkZ
Plataforma: Google Meet (duração de 20h)

—Gestão de Projetos de Economia Criativa
Professora: Júlia Lopes (pós graduada em Economia Criativa e Colaborativa e graduada em Administração de Empresas)
Datas: 15/09, 16/09, 17/09, 22/09, 23/09, 24/09 e 29/09
Hora: 19h às 22h
Inscrições: https://bit.ly/3mXb03q
Plataforma: Google Meet (duração de 20h)

—Práticas de Justiça Restaurativa na Escola
Professor: Marcelo Pelizzoli (pós-doutor em Bioética, doutor em Filosofia e mestre em Antropologia Filosófica)
Datas: 20/09, 22/09, 24/09, 27/09 e 29/09
Hora: 9h às 13h
Inscrições: https://bit.ly/3gWENFH
Plataformas: Google Meet (duração de 20h) e Moodle EAD (duração de 6h)

registrado em: ,
Fim do conteúdo da página

Nós usamos cookies para melhorar sua experiência de navegação no portal. Ao utilizar o fundaj.gov.br, você concorda com a política de monitoramento de cookies. Para ter mais informações sobre como isso é feito, acesse Política de privacidade. Se você concorda, clique em ACEITO.