Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Imprensa > Fundaj lança nova edição do Concurso Residências Artísticas; confira Edital
Início do conteúdo da página

Fundaj lança nova edição do Concurso Residências Artísticas; confira Edital

Publicado: Sexta, 18 de Setembro de 2020, 15h00 | Última atualização em Sexta, 02 de Outubro de 2020, 11h17 | Acessos: 488

 Candidatos podem concorrer individual ou coletivamente. Inscrições devem ser submetidas no prazo de 21 de setembro a 4 de dezembro, deste ano

 A Fundação Joaquim Nabuco (Fundaj), por meio da sua Diretoria de Memória, Educação, Cultura e Arte (Dimeca), lançou, nesta sexta-feira (18), o 6º Concurso Residências Artísticas 2020. A iniciativa, criada em 2012, visa estimular a produção de exposições, performances e projetos relacionados às artes visuais, com foco no processo criativo. Artistas e coletivos poderão concorrer ao prêmio que contemplará até três propostas artísticas, com o valor de R$ 15 mil cada, para a realização das residências de pesquisa, formação e criação. As inscrições são gratuitas e devem ser submetidas entre os dias 21 de setembro e 04 de dezembro, no site fundaj.gov.br. 

Além do fomento, os projetos contemplados contarão com o suporte de especialista da Casa, na pesquisa, e a apresentação de seus trabalhos em galerias da Instituição pernambucana. “Trata-se de algo mais do que um diálogo, pois a valorização e a difusão das artes têm um valor intrínseco. O foco na Arte Contemporânea é a inteligência crítica. Em tempos de ‘fique em casa’, mais vale ‘fique na residência artística’. Um mínimo sinal, mas um sinal de retomada de atividades. A arte continua a ser uma das melhores formas de viajar e não permanecer em nenhum lugar.”, aponta o diretor da Dimeca, Mario Helio Gomes.

Para participar, o candidato deve ser maior de 18 anos, brasileiro ou estrangeiro residente, com visto de permanência conforme a Lei Federal 13.445/2017. A escolha dos projetos será feita por uma comissão julgadora, composta por três pessoas, dentre críticos e curadores de arte de projeção nacional. Os critérios considerados pela banca para a avaliação das propostas serão: ineditismo, qualidade, compromisso com processos educativos e formadores, viabilidade de execução em relação ao tempo disponível e ao valor estabelecido. Os vencedores serão anunciados até o dia 30 de dezembro, no Diário Oficial da União, no site e redes sociais da Instituição.

Para mais informações, confira o Edital:

Link para o Edital

Prezado candidato, no momento, o Portal de Compras do Governo Federal está em migração, o que acarreta uma impossibilidade temporária de efetuar o devido cadastramento junto ao Sistema SICAF. Dessa forma, você candidato poderá submeter sua inscrição, sem o Cadastro, até que a situação seja regularizada.  Atenciosamente Equipe de Artes Visuais - Dimeca.

Pela primeira vez, o projeto permitirá que o candidato encaminhe virtualmente (antes presencial ou via Sedex) toda a documentação discriminada na publicação. “Especialmente nesse momento de crise global, insistimos em ter um Edital 2020. A fim de garantir as possibilidades das ideias artísticas. Acreditamos que a arte, como representação social, não pode furtar-se ao papel que lhe compete e apresentar ao mundo as inquietações do agora. Temos uma boa expectativa para esses projetos que serão inscritos e fortalecemos o papel social da Fundaj”, avalia a analista da Instituição Ana Carmen Palhares, responsável pelo Residências Artísticas.

Para o pesquisador e curador da Fundaj Moacir dos Anjos, também responsável pelo projeto, o Concurso é ainda mais relevante nas circunstâncias atuais da pandemia do novo coronavírus (Covid-19). “Instituições culturais do mundo inteiro têm confirmado e inaugurado projetos de estímulo e apoio à criação artística. Ações que não somente propiciam suporte a um dos setores mais duramente atingidos pela crise sanitária-econômica, de duração ainda indefinida, mas que também contribuem com o necessário processo de reflexão coletiva sobre um mundo de contornos incertos que surgirá, passada a pandemia”, defende.

O diretor da Dimeca, Mario Helio, ressalta ainda que a diretoria pretende ampliar os editais. “A importância [neste momento] é cada vez maior. Não apenas quanto a artes e pesquisas específicas que vêm sendo desenvolvidas há anos, mas em outros segmentos. Que há vida inteligente no planeta das artes sabe-se desde as primeiras cavernas sem alegorias, o exercício de descobri-las e mostrá-las neste momento sinaliza vitalidade. As iniciativas sempre estão com a sociedade e os artistas. Eles sobreviverão a todas as crises e situações anormais.”


A ficha de inscrição do 6º Concurso Residências Artísticas 2020 está liberada. Acesse!

VI CONCURSO RESIDENCIAS


Qualquer dúvida, entre em contato pelo e-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo. 

 

 

registrado em: ,
Fim do conteúdo da página