Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Imprensa > Galeria Massangana recebe exposição relâmpago que retrata cultura nordestina
Início do conteúdo da página

Galeria Massangana recebe exposição relâmpago que retrata cultura nordestina

Publicado: Quarta, 18 de Setembro de 2019, 17h39 | Última atualização em Quarta, 18 de Setembro de 2019, 17h39 | Acessos: 42

Evento inspirado no "Atlas Mnemosyne" acontece na noite desta quarta-feira (18), no campus Casa Forte da Fundaj

Baseado no "Atlas Mnemosyne" do historiador alemão Aby Warburg, criado em 1924, o Museu do Homem do Nordeste realiza uma exposição relâmpago na Galeria Massangana, na noite desta quarta-feira (18), no campus Casa Forte da Fundaj, a partir das 19h. A ideia é representar a região Nordeste por meio de objetos e imagens que serão levados pelos participantes do Curso de Especialização em Museus, Identidades e Comunidades, promovido pela Escola de Inovação e Políticas Públicas (EIPP) em parceria com o Muhne. Ao todo, 40 pessoas estão inscritas no evento.

"No século XX, Aby Warburg fez um trabalho ímpar no que diz respeito ao método e ao uso para as artes visuais. Ele utilizou imagens para estudar a prosperidade do passado, recortando figuras e colando-as em cartolinas. Era dessa forma que o 'filósofo da imagem' estudava os assuntos", lembrou Ciema Mello, antropóloga do Museu.

A exposição é um exercício museológico que reforça o valor do Museu do Homem do Nordeste e também mostra o quanto o espaço está vivo. A atividade retrata características, costumes e tradições da cultura do povo nordestino.

"A partir da ideia do 'Atlas Mnemosyne', vamos criar o nosso (do Nordeste) utilizando materiais que fazem parte da nossa história. Eu, por exemplo, vou trazer um balde d'água, folha verdes, livros e até embalagens de cuscuz vazias. Cada participante terá direito de montar a sua obra com seus objetos e imagens. Tenho certeza que a experiência será interessante e dinâmica", destacou.

registrado em: ,
Fim do conteúdo da página