Fundação Joaquim Nabuco

  • Full Screen
  • Wide Screen
  • Narrow Screen
  • Increase font size
  • Default font size
  • Decrease font size

Seminário em Rede aborda docência e formas de controle



A Fundação Joaquim Nabuco promoveu nesta terça-feira (14) uma nova edição do Seminário em Rede, trazendo o professor titular e emérito da UFG, Luís Dourado, para debater o tema “Docência e Novas Formas de Privatização e Controle”. O encontro ocorreu sala Gilberto Osório, na Fundaj Apipucos, e discutiu, entre outros temas, o exercício da docência como construção identitária do profissional de educação.

Levando em consideração o atual cenário político-social, o professor iniciou sua palestra colocando a docência como um campo em disputa, tendo como chave para compreender a realidade nacional, a observação da educação de forma geral, e não em pequenos detalhes. Para isso, preza por analisar as temáticas e contextualizá-las: “a educação é constitutiva e constituinte. Não é possível pensá-la dissociada dos meios de produção”, destacou.

Em seguida, Dourado destacou a importância da democratização do acesso à educação, com fundamental atenção às necessidades não só de acesso, mas também de permanência dos alunos na escola. 

Seu diagnóstico acerca da tríade docência, privatização e formas de controle leva a uma análise da qualidade na formação dos profissionais, trazendo números alarmantes de professores sem formação atuando na rede de ensino. Discutir o plano educacional, para ele, significa fazer uma intervenção na educação básica e prezar pela qualidade

Luis concluiu seu discurso aconselhando o melhor conhecimento de bases legais e o acionamento do Ministério Público e dos Conselhos Educacionais para evitar a proposição de políticas sem sua materialização de fato.

Navegando em: :: Outras Notícias Seminário em Rede aborda docência e formas de controle