Fundação Joaquim Nabuco

  • Full Screen
  • Wide Screen
  • Narrow Screen
  • Increase font size
  • Default font size
  • Decrease font size

Caravana da Sociologia desenvolve pesquisa sobre desigualdade social em escola de Aldeia

Selecionados pela “Caravana da Sociologia” para desenvolver uma pesquisa científica sobre  desigualdade social e apresentá-la durante a Semana de Ciência e Tecnologia realizada pela Fundação Joaquim Nabuco, os estudantes da Escola Estadual Major Lélio, em Camaragibe, decidiram aplicar um questionário sobre o tema nas escolas públicas e particulares de Aldeia.

O estudantes visitaram uma escola particular e uma instituição pública de tempo integral da região, além de aplicarem as perguntas dentro da própria escola em que estudam. Depois de analisarem as respostas das 26 questões, irão desenvolver um gráfico com os dados que foram apurados para mostrar quais as grandes diferenças entre escolas que ficam tão próximas, mas que vivem em realidades completamente diferentes. “Pelo que pude analisar durante as visitas, há muita diferença. Além da forma como as pessoas são tratadas, a estrutura da escola particular é bem melhor. Eles também são mais exigidos em diversos momentos”, revelou Dara Bittencourt, 17, aluna do 2º ano.

O resultado da pesquisa será apresentado durante a Semana de C&T, que será realizada no final de novembro. Os oito estudantes da Escola Estadual Major Lélio que estão participando da Caravana também vão expor o trabalho em outras 10 escolas da Região Metropolitana do Recife no começo do ano que vem.



Para Ana Alícia Bispo da Silva, 17, estudante do 3º ano, o projeto está sendo muito importante na construção dos seus valores pessoais, principalmente em relação à forma como passou a enxergar o mundo. “Comecei a refletir sobre várias coisas e pensar nas desigualdades sociais do mundo. É importante pensar mais nas pessoas.”

Já para Livia Tamara da Silva, 17, que também é do 3º ano, o evento promovido pela Fundaj é essencial para que as pessoas entendam que os estudantes de ensino médio das escolas públicas também são capazes de desenvolver projetos de pesquisa. “Espero que esse encontro seja uma experiência que mostre aos ouvintes que o PIBIC pode ajudar os estudantes de forma ímpar e que ajuda a capacitar para entrar em universidades". Mais atividades da Caravana da Sociologia podem ser vistas no blog do projeto.

SEMANA DE CIÊNCIA E TECNOLOGIA

Realizada desde 2004, a Semana de Ciência e Tecnologia é uma ótima oportunidade para que a Fundação Joaquim Nabuco abre suas portas para que os 1500 estudantes da rede pública conheçam seus equipamentos. De acordo com César Pereira, coordenador do Programa de Iniciação Científica da instituição, esses estudantes terão a chance de assistir a palestras e debater sobre temas ligados à educação. “Teremos palestras, visitas ao museu e ao Engenho Massangana, além de minicursos promovidos para os estudantes que irão se inscrever.”

Navegando em: :: Outras Notícias Caravana da Sociologia desenvolve pesquisa sobre desigualdade social em escola de Aldeia