Fundação Joaquim Nabuco

  • Full Screen
  • Wide Screen
  • Narrow Screen
  • Increase font size
  • Default font size
  • Decrease font size

Parna do Catimbau

Parque Nacional do Catimbau
A Geomorfologia construindo cenários exuberantes

Uma das mais destacadas unidades de convervação (UC) do bioma Caatinga no Estado de Pernambuco é o Parna do Catimbau. Segundo o ICMBio, o Parque Nacional do Catimbau foi criado em 22 de agosto de 2002 com o objetivo de manter a preservação dos ecossistemas que lá coabitam.


O Parna do Catimbau possui uma área em forma poligonal (62.294,14 hectares).
Foto: Neison Freire (2013)

Localizado entre quatro municípios pernambucanos, Buíque, Ibimirim, Sertânia e Tupanatinga, o parque tem a paisagem natural marcada pela geomorfologia de seu relevo, que foi esculpida durante as eras geológicas pela erosão atuante do clima, formando elevações suaves e onduladas, de platôs, encostas abruptas cuestiformes e vales abertos. O parna é considerado pelo IPHAN um patrimônio arqueológico nacional, pois conserva diversos sítios arqueológicos datados de 6.000 anos A.P.


Pintura rupestre da Tradição Nordeste encontrada em uma gruta do Catimbau.
Foto: Neison Freire (2013)

O parna incita uma preocupação ambiental por parte das instituições federais de ensino superior e pesquisa, como a UFPE, UFRPE e IFPE, que procuram entender a correlação entre a flora e a fauna, como também entre análises arqueológicas, geológicas e geomorfológicas com seus possíveis modificadores, antrópicos ou não.


Os estudos florísticos realizados nesta pesquisa revelaram novas espécies
de uma flora endêmica 
e diversificada, que se adaptou aos condicionantes físicos do local.
Foto: Neison Freire (2013)

A porção extremo norte do Parque Nacional do Catimbau apresenta o bioma caatinga preservado e de pouco acesso. Já a porção leste está mais preservada que a oeste, pois apresenta áreas úmidas, paredões e as principais trilhas de ecoturismo do Catimbau. Na porção oeste, a pesquisa registrou uma situação de tensão entre o ICMBio e áreas de pequenas agriculturas, onde há áreas de irrigação, também de áreas de agricultura familiar e de algumas comunidades indígenas, que tiveram seu território diminuído com a criação do Parque Nacional do Catimbau.

Entre os anos de 2013 e 2104 foram feitos mapas temáticos de degradação ambiental, mapeamento de índices de vegetação, e uma carta imagem (2014).

Para baixar o capítulo completo do Parna do Catimbau, clique aqui.

Vídeo

 Aula de Campo com a Profª. Drª. Janaína Barbosa (UFCG) [1’43”]

Aula de Campo com a Profª. Drª. Débora Coelho Moura

Mapas

               

                Mapa de localização do Parque Nacional do Catimbau. Fonte: elaborado pelos autores.

                      

            Localização do Parna do Catimbau, a PNDR (MI, 2003) e a Tipologia das Cidades (MCid, 2005).
                                               Fonte: MI, 2003; MCid, 2005. Elaborado pelos autores.

 

                     Imagem Multiespectral RGB543, satélite LandSAT 5 TM, data de aquisição: 29/01/2000.

                  Imagem Multiespectral RGB543, satélite LandSAT 8 OLI, data de aquisição: 11/01/2014.

                                        Mapa Temático de Uso e Ocupação do Parna do Catimbau,
                                     elaborado a partir de imagem LandSAT 5 TM de 29/01/2000.


                                       Mapa Temático de Uso e Ocupação do Parna do Catimbau,
                                    elaborado a partir de imagem LandSAT 8 OLI de 11/01/2014.

        Mapa Temático de Mudanças Ambientais do Parna do Catimbau entre 2000 e 2014 (em km²).
                                                             Fonte: elaborado pelos autores.

 

                        Mapa de Índice de Vegetação: SAVI 2000. Fonte: elaborado pelos autores.

 

                     Mapa de Índice de Vegetação: SAVI 2014. Fonte: elaborado pelos autores.

                     Mapa de Índice de Vegetação: NDVI 2014. Fonte: elaborado pelos autores.


                                                           Carta-imagem 2014 do Parna Catimbau.
                                                                    Fonte: elaborada pelos autores.

 

Modelos Digitais de Terreno da área do Parna do Catimbau

 

Fotos do Parque Nacional do Catimbau
(clique para ampliar) 

 









Navegando em: Pesquisa CIEG