Fundação Joaquim Nabuco

  • Full Screen
  • Wide Screen
  • Narrow Screen
  • Increase font size
  • Default font size
  • Decrease font size

O Fanzine como ferramenta pedagógica: cartas para pensarmos nosso diálogo com o patrimônio cultural

Os educativos da Diretoria de Memória, Educação, Cultura e Arte – Meca, da Fundação Joaquim Nabuco - Fundaj, realizaram, no dia 20 de outubro, das 14 às 17h30, na sala Calouste Gulbenkian, da Fundaj/Casa Forte, dentro do Projeto Museu Educador, o Encontro que debateu e apresentou o Fanzine, ou melhor: Zine como ferramenta pedagógica: cartas para pensarmos nosso diálogo com o patrimônio cultural, sob a orientação da educadora Fernanda Meireles.

Esta ação já é parte, também, do Projeto Feira de Mitos que promove a exposição Patrimônios em Disputa, breve em cartaz na Sala Mauro Mota/Fundaj. O Encontro teve como publico alvo: gestores, educadores de museus e sociais, professores, mediadores e público interessado. Informações pelo fone: 30736333 / 30736331 

OBS: Para conhecerem melhor o trabalho de Fernanda Meireles sugerimos que os interessados naveguem por estes links:

- Dissertação de Mestrado: “Cartas ao Zine Esputinique: escritas de si e invenções de nós na rede” www.repositorio.ufc.br/ri/bitstream/riufc/9130/.../2013_dis_fmeireles.pdf

- Álbuns sobre a ação com zines na III CNIJMA – Conferência Nacional Infanto-Juvenil pelo Meio Ambiente, em 2010, em parceria com o MEC (são os primeiros álbuns dentre os meus no Picasa!) https://picasaweb.google.com/111625545393484896834/IIICNIJMAOficinaDeZineComOsFacilitadoresCJs# 

- Sobre a exposição Zineteca Imaginada feita no Mauc, final de 2010: https://picasaweb.google.com/111625545393484896834/ZinetecaImaginadaNoMauc 

- Sobre o Seminário Cabeças de Papel 3, em 2011, cujo tema foi Zines como Patrimônio Material e  Imaterial: http://cabecasdepapel3.blogspot.com.br/ 

- Blog de Fernanda: http://esputinique.wordpress.com/category/oficinas-de-zine/ 

Resumo Biográfico:

Fernanda Meireles é graduada com licenciatura em Letras Português/Inglês pela UECE. Especializada em Arte-Educação pelo IFCE, mestre em Comunicação Social na UFC, atuou por três anos como professora do Núcleo de Formação do Centro Cultural Bom Jardim, executando oficinas de Fanzine e construindo uma rede de comunicação entre escolas. Planejou e coordenou a Oficina de Fanzine durante a III Conferencia Nacional Infanto-Juvenil pelo Meio Ambiente. Foi Integrante de uma pesquisa de In(ter)venções áudio-visuais das juventudes em Fortaleza e Porto Alegre, a indagação contempla a análise das processualidades juvenis, suas experiências de intervir e inventar em áudio (música, rádio), visual (grafite, fotografias) e audiovisual (vídeo, cinema). Contemplada em 2011 com o Premio de Licenciatura, pelo III Edital das Artes, Prefeitura Municipal de Fortaleza - Secretária de Cultura. Tem produção em vários capítulos de livros publicados, textos em jornais de noticias / revistas e trabalhos completos publicados em anais de congressos.

Navegando em: :: Outras Notícias O Fanzine como ferramenta pedagógica: cartas para pensarmos nosso diálogo com o patrimônio cultural