Fundação Joaquim Nabuco

  • Full Screen
  • Wide Screen
  • Narrow Screen
  • Increase font size
  • Default font size
  • Decrease font size

Engenho Massangana



Conjunto arquitetônico rural do século XIX, composto pela Casa-Grande e Capela de São Mateus em uma área de dez hectares, o Engenho Massangana está localizado no Cabo de Santo Agostinho, no Estado de Pernambuco. O nome do engenho, de origem africana, vem do rio Massangana que, na época do auge do açúcar, servia para o escoamento do que era produzido nele, e nos engenhos da região, até o porto do Recife. Acredita-se que Tristão de Mendonça tenha fundado o Engenho Massangana, através da doação de um pedaço de terra do município feita por Duarte Coelho, primeiro donatário da Capitania de Pernambuco.

Tombado em nível estadual como Parque Nacional da Abolição, Massangana foi o lugar onde o ilustre pernambucano Joaquim Nabuco viveu durante a infância e é por ele referenciado como o local onde construiu a base de seus ideais abolicionistas. Tais relatos estão presentes em seu livro Minha Formação (1910), cujo conteúdo é explorado na exposição permanente Nabuco e Massangana: o tempo revisitado.  

Além da visitação espontânea, o equipamento recebe sistematicamente o público estudantil. Através de um programa educativo, temas como o legado do pensamento de Joaquim Nabuco, a escravidão e as lutas libertárias, a cultura afro-brasileira e a economia canavieira são abordados, buscando contribuir para a produção de novos conhecimentos, fortalecimento da consciência patrimonial e da identidade cultural.

Serviço

Entrada gratuita, de terça a sábado, das 9 às 16h30

Endereço: PE – 60 – Km 10 Cabo de Santo Agostinho| PE CEP: 54510-992 

Contatos: (81) 3527.4025 | Este endereço de e-mail está protegido contra spambots. Você deve habilitar o JavaScript para visualizá-lo.

Informações: www.fundaj.gov.br

Para grupos, solicita-se o agendamento por telefone ou e-mail.

_

Massangana Sugar Mill

Architectural rural set of buildings from the nineteenth century, composed of the great house and São Mateus Chapel in an area of ​​ten hectares, Massangana Sugar Mill is located in Cabo de Santo Agostinho, State of Pernambuco. The mill, of African origin, is named after the Massangana river that at the time of the sugar heyday, served for the distribution of what was produced around it, and in the mills of the region up to the port of Recife. It is believed that Tristão de Mendonça founded Massangana Sugar Mill, through the donation of a piece of land by Duarte Coelho, Captaincy of Pernambuco’s first donee.

Declared a National Park of Abolition at state level, Massangana was the place where the native Pernambuco, the illustrious Joaquim Nabuco lived during his childhood and was considered by him as the place where he built the basis of his abolitionist ideals. Such reports are presented in his book My Background (1910), which content is explored in the permanent exhibition Nabuco and Massangana: the revisited time.

In addition to spontaneous visits, the student public is systematically received. Through an educational program, topics such as Joaquim Nabuco’s legacy of thought, slavery and libertarian fights, Afro-Brazilian culture and sugarcane economy are discussed; together with the promotion of cultural events and activities, we seek to contribute to the production of new knowledge, the strengthening of heritage awareness and cultural identity.

Service

Free admission Tuesday through Saturday from 9:00 to 16:30h

Address: PE - 60 -  km 10 from Cabo de Santo Agostinho | PE CEP: 54510-992
Contact: (81) 3527-4025 | Este endereço de e-mail está protegido contra spambots. Você deve habilitar o JavaScript para visualizá-lo.

Info: www.fundaj.gov.br

For groups, booking by phone or e-mail is requested.

-

Ingenio Massangana

Construcción arquitectónica rural del siglo XIX, compuesta por la Casa Grande y la Capilla de São Mateus en un área de diez hectáreas. Ingenio Massangana se encuentra ubicado en el Cabo de Santo Agostinho, estado de Pernambuco. El nombre del ingenio, de origen africano, viene del río Massangana que en la época del apogeo del azúcar, era utilizado para transportar lo que se producía en él, y en los ingenios de la región hasta el puerto de Recife. Se cree que Tristão de Mendonça fundó Ingenio Massangana, mediante la donación de un espacio de tierra del municipio por parte de Duarte Coelho, primer donante de la Capitanía de Pernambuco.

Declarado a nivel estatal como Parque Nacional de la Abolición, el Massangana fue el lugar donde el ilustre pernambucano Joaquim Nabuco vivió durante su infancia y es considerado por él como el lugar donde construyó la base de sus ideales abolicionistas. Dichos relatos están presentes en su libro Mi Formación (1910), cuyo contenido se explora en la exposición permanente Nabuco y Massangana: el tiempo revisitado.

Además de las visitas espontáneas, el equipo recibe de manera sistemática al público estudiantil. A través de un programa educativo, temas como el legado del pensamiento de Joaquim Nabuco, la esclavitud y las luchas libertarias, la cultura afro-brasileña y la economía de la caña de azúcar son discutidos; junto con la promoción de eventos y actividades culturales, se busca contribuir a la producción de nuevos conocimientos, al fortalecimiento de la conciencia patrimonial y de la identidad cultural.

Servicio

Entrada gratuita de martes a sábado de 9:00 a 16:30

Dirección: PE - 60 - km 10 Cabo de Santo Agostinho | CEP SP: 54510-992                                                 Contacto: (81) 3527-4025 | Este endereço de e-mail está protegido contra spambots. Você deve habilitar o JavaScript para visualizá-lo.

Informácion: www.fundaj.gov.br

Para grupos, solicitar reserva por teléfono o correo electrónico.

Navegando em: Engenho Massangana
Portal do Governo Brasileiro